"E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos por aqueles que não podiam escutar a música." Nietzsche

Formspring

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Guardadora de Utopias

Grazi, Ivone, Professora Daiane e Larissa
CONFISSÕES DE UMA PROFESSORA NO DIA DAS/OS PROFESSORAS/ES

Outro dia minha irmã, aos risos, disse que eu já sofria só de imaginar o dia da minha aposentadoria, como professora. Ri, de maneira cúmplice, pois uma das minhas angústias existenciais é exatamente esta, me imaginar fora de uma sala de aula.

Desde cedo quis ser professora, porque as pessoas, o mundo das ideias, a realidade do mundo, a vida, mobilizam o meu espírito, e me fazem querer participar ativamente do seu processo de construção, desconstrução, reconstrução. Qual melhor "canteiro de obras", que uma escola? E olha que a valorização profissional, no Brasil, é inversamente proporcional a importância do nosso ofício! Enfim...

Enquanto a minha aposentadoria-bicho-papão não chega, continuarei firme a guardar a utopia de que a Educação ainda é o caminho para o mundo sonhado por Milton Santos, por Gandhi, por Irmã Dulce, e tantos outros seres humanos, célebres ou anônimos, semeadores do respeito a vida, na sua diversidade, plenitude, complexidade e mistério. 

"A lição sabemos de cor, só nos resta aprender".

Obrigada pelo carinho, aos meus alunos e alunas, amigos, amigas e colegas!

Nenhum comentário: