"E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos por aqueles que não podiam escutar a música." Nietzsche

Formspring

terça-feira, 31 de julho de 2012

Sentimentalidade


TODO RISCO

Quando criança lia e relia o poema Todo Risco, de Damário da Cruz. Ele ficava num poster, no consultório odontológico, e me intrigava tanto, tanto, era como se não o entendesse, mas entendesse que algo de muito "grave" ali estava colocado. E era. Eis...

A possibilidade de arriscar
é que nos faz homens.
Voo perfeito
no espaço que criamos.
Ninguém decide
sobre os passos que evitamos.
Certeza de que não somos pássaros
e que voamos.
Tristeza de que não vamos,
por medo dos caminhos.

Hoje, o quadro não está mais na parede, mas segue o poema inscrito em mim, e a cada voo, a cada risco, a cada indecisão, a cada medo, a cada tristeza de não ter ido, constato-o.
.

Nenhum comentário: